segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

RESENHA: Livro "Bruto" de Thedy Corrêa

Olá leitores do corassaum! Tudo bem? Hoje tô todo feliz porque li um livro muito legal de poesias que recebi da editora Belas-Letras. A obra é nacional e encantadora. Vem conhecer...

Imagine-se manuseando os cadernos de Thedy Corrêa e deixe-se levar por textos publicados tal qual surgiram- palavras simples, no estado Bruto, sem retoques. Poemas, divagações em horas de insônia e anotações de viagens se misturam com histórias sobre como surgiram as canções do Nenhum de Nós, banda da qual Thedy é vocalista e um dos fundadores. A edição deste livro também foi concebida para ser lida como se fossem anotações de rascunho no estado bruto, tanto pela capa como pelas costuras aparentes.
Bruto é um livro de poesias e textos diversos nacional escrito pelo vocalista da banda Nenhum de nós, Thedy Corrêa. O livro lançado em 2016 pela editora Belas-Letras possui 136 páginas e tem um visual, como diz o título, bruto! A banda de origem gaúcha foi formada em 1986 e possui muitos hits das décadas de 80 e 90.

Sempre com um trabalho impecável e incomum com livros que vemos todos os dias, a editora Belas-Letras conseguiu deixar o livro com a vibe perfeita traduzindo bem a proposta da obra. As poesias são belas e claras, levando um bom entendimento para qualquer leitor. Para alguém que está aprendendo aos poucos a apreciar esse gênero, essa é a obra perfeita.

Além das poesias e canções, o livro funciona como uma espécie de diário onde o autor nos conta a história da banda e um pouco de sua vida, além de ilustrações belíssimas contendo desenhos e rabiscos originais. Um encanto!

É muito difícil escolher um texto favorito, até porque são muitos! Mas tem aqueles que nos marcam e ficam na memória, servindo de referência e indicação para a obra e para o autor. No mais, se você não o conhecia, fica a minha dica e se apaixone também pela sua escrita.

SOBRE O AUTOR

Thedy Corrêa nasceu em Porto Alegre e é um apaixonado por música, literatura e quadrinhos. É músico e compositor da banda de rock Nenhum de Nós, fundada por ele, Carlos Stein e Sady Homrich em 1986, que já gravou dezesseis discos, três DVDs e fez mais de dois mil shows. Enveredou pela literatura com um livro de poemas (Bruto, relançado em 2016 pela Editora Belas Letras) e um de crônicas (Livro de Astro-Ajuda, 2010 – L&PM). Participa de feiras de livro pelo país, para levar principalmente aos jovens a missão que recebeu do escritor imortal Moacyr Scliar: fazer quem curte música entrar de vez no universo dos livros também.

Fonte: belasletras.com.br



26 comentários:

  1. Gostei da edição, muito bonita mesmo. Porém, infelizmente, o gênero não é uma coisa que me agrade. Na verdade poesia foi uma coisa da qual sempre tive certa resistência e aversão. Mas quem sabe um dia eu não mude isso. Parabéns pela bela resenha sincera meu bem.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oiii Rodrigo, como vai?
    Estou apaixonada pela sua resenha menino, eu sou louca por livros de poesias e só imagino como deve ser lindo seu interior.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, linda!
      Se você já gosta de poesia, esse tá perfeito, então!

      Excluir
  3. Oi!
    Que edição linda, capa maravilhosa.
    A resenha me gerou interesse no livro, que eu não conhecia.
    Gostei! Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Que edição! Minha mãe é fã da banda haha
    Confesso que livros de poesia não são meus favoritos, mas curti a ideia!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ideia é bem inovadora mesmo. sobre a banda, tem uma música deles que adoro!

      Excluir
  5. Confesso que não sou muito chegada a poemas, mas gostei da parte das divagações e noites de insônia, pois eu divago muuuito nas minhas insônias haha
    Adorei a diagramação, realmente bem "bruta". Deu um toque todo especial.

    Beijos,
    Kemmy - Duas Leitoras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahaha, também tenho meus dias...
      Aliás, minhas noites.

      Excluir
  6. Olá Rodrigo, tudo bem?
    Que legal esse livro. Amei a ideia dele e a edição está realmente chamativa e encantadora. Amo poemas, por isso a sua dica é muito bem vinda. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, linda!
      Espero que goste, então. Beijo!

      Excluir
  7. Bem interessante a proposta do livro, o titulo, a "diagramação". Parece ser uma obra interessante. Acho que não conheço essa banda e por isso não me lembro do autor - pelo menos não assim, vou pesquisar as músicas depois para ter certeza, rs. Mas adorei a dica, é um livro interessante! Flores no Outono 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale super à pena viu!
      Espero que curta. ;)

      Excluir
  8. Olá, achei bem diferente a diagramação do livro e parece que ela esta bem caprichada mesmo *-* Mesmo não lendo muita poesia fiquei curiosa para lê-lo então dica anotada =)

    http://meumundo-meuestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato, chama muita atenção. Quando puder dê uma olhada, acho que vai gostar ;)

      Excluir
  9. Oi Rodrigo,
    Não sou muito fã de poesias, mas fiquei curioso com o livro do Thedy Corrê. Não tinha ligado o nome ao vocalista da banda Nenhum de Nós. Pra quem viveu os anos 80, conhece muitas músicas dessa banda. Isso me deixou curioso para com a obra. Gostei muito também pelo trabalho gráfico feito pela editora. Pelo que você descreveu, reme bastante ao título do livro.
    Valeu pela dica. Acho que vou me arriscar pelas poesias do Thedy.
    Beijos,
    André, do Garotos Perdidos
    Tem sorteio de 2 livros rolando lá no blog. Não deixe de participar :}

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. André, vale o risco, viu! Pelas canções dá pra ver que ele escreve muito bem.
      Abraço ;)

      Excluir
  10. Eu achei o livro interessante, mas não é muito bem o meu tipo de leitura. Eu gosto mais de crônicas, romances e livros de fantasia. Poemas nunca estiveram na minha lista de leitura simplesmente porque não me prendem.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Romances ainda é meu gênero favorito. Mas é tão bom, às vezes, se arriscar em outros gêneros né?

      Excluir
  11. Olá,

    Não conhecia a obra, mas gostei dessa temática bem diferente. Vários elementos que você apresentou na obra, me interessaram muito e com certeza pretendo dar uma chance a este livro.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  12. Oie
    eu tive oportunidade de ler o livro faz um tempinho e gostei bastante do que li, são belos poemas e textos, o autor arrasou e ainda não conhecia nada sobre ele, bela resenha

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Catharina, é tão bom que você acaba que virando meio fã dele, procura conhecer suas músicas e tal...

      Excluir
  13. Olá, tudo bem?

    Eu tenho um outro livro escrito por ele e gostei bastante da forma com a qual ele conduz as palavras no papel. Embora tenha tecido elogios, este não me agradou logo de cara por causa da capa. Não sei se o leria no momento.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, o visual é o que chama mais atenção de início. Mas que bom que você já conhece e não duvida que seja bom.
      Beijo.

      Excluir

TWITTER