segunda-feira, 7 de novembro de 2016

RESENHA: Livro "O Trânsito de Vênus" de Shirley Hazzard

Olá crianças! Tudo bem? Hoje é dia de resenha e o livro da vez virou definitivamente um dos meus xodós! Acho que foi dado com tanto amor que rendeu uma leitura adorável. Vem conferir...
A impressão de vida predestinada é o tema profundo deste que é o livro mais aplaudido de Shirley Hazzard. Caroline e Grace Bell são duas jovens irmãs que deixam a Austrália e vão para a Grã-Bretanha em busca de um recomeço. Órfãs desde muito cedo, elas anseiam por uma vida nova, enquanto a Europa começa a acordar do pesadelo da Segunda Guerra Mundial.
O título se refere a um raro mas constante fenômeno astronômico, que só se repete um par de vezes por século, em datas pré-determinadas. Nas suas poucas horas de duração, o planeta Vênus pode ser visto da Terra como uma pequena mancha preta atravessando o disco solar. Paralelos aos movimentos celestes, os personagens de Hazzard parecem atraídos por diferentes fatalidades. Seus destinos nunca deixam de se entrelaçar com as turbulências e os absurdos da história da segunda metade do século xx, num romance que começa na Inglaterra rural, retorna à Sidney da memória e aos fronts do trauma de guerra, viaja a Nova York e continua seu curso até Estocolmo. Um retrato pungente dos torneios do amor e do deslocamento geográfico e social, tema tão caro à narrativa australiana. 

O Trânsito de Vênus é um livro do gênero drama narrado em terceira pessoa. Assim como já cita na sinopse, o título é apenas uma referência à essência do livro. Ou seja, não é uma história sobre ficção científica ou astrologia. Shirley Hazzard é uma autora Australiana muito premiada com suas obras, inclusive esta citada. A edição lida por mim foi lançada pela editora Companhia das Letras e possui 476 páginas.

A trama acompanha a vida das irmãs Caroline e Grace tentando se restabelecer na Inglaterra após deixar sua terra natal, a Austrália. Num cenário de Pós II Guerra, quando o mundo ainda está tomando os eixos, o país ainda parece um pouco confuso e agitado, fazendo com que seus habitantes vejam tudo com mais cuidado. É assim que as jovens irmãs se posicionam em meio as dificuldades e surpresas que a vida lhe oferecem.

Ainda jovem, Grace tem a sorte de encontrar em Christian Thrale um relacionamento amoroso sólido e um tanto tradicional com todas as imperfeiçoes que se tem direito. Das irmãs, ela tem a descrição de ser a mais bonita e a menos atraente. Christian, seu futuro marido é filho de um influente astrônomo, que abriga em seu castelo as irmãs posteriormente.

Caroline, frequentemente chamada de Caro, é a principal personagem da história. Possui uma beleza exótica e é tão esperta quanto todos os personagens que a julgam menos que isso. Toda as aventuras amorosas e riscos que sua irmã não viveria foi para ela. Sendo a mais velha das duas, Caro terá um destino incerto, totalmente o oposto da vida previsível e confortável de Grace.

Ainda no Castelo da família de Christian, Caro conhecerá dois dos personagens mais constantes e contraditórios entre si que virá a ser na vida da moça. Ted Tice, um jovem astrônomo convidado pelo patriarca da família, que se apaixonará plena e perdidamente por ela e Paul Ivory, um lindo rapaz no início de sua carreira como escritor de peças de teatro, noivo de uma pomposa (e nojenta) moça, chamada Tertia.

As experiências vividas por Caro, mendigando o amor de um e ignorando o do outro trará muito pano pra manga pra essa história. Mas o livro traz momentos interessantíssimos de todos os personagens, cada um com seu teto de vidro, seu passado e seus segredos. Há uma mudança de ambiente na trama que fica entre Estados Unidos e a Inglaterra, criticando um pouco o estilo  dos americanos, talvez por influência indireta, ou não da autora.

Nos primeiros capítulos não senti nenhuma atração pelo livro, achei arrastado e político demais. Mas logo o interesse veio com tudo, me dei conta que tive uma visão prévia errada da obra. É um livro adulto, um romance adulto, com pessoas adultas vivendo uma vida difícil e adulta. Nada de draminhas ou cenas hot para apimentar a parte romântica. Existem dramas familiares, políticos, tragédias e amores não correspondidos. 
Só de pensar que quase abandonei essa leitura chega dá um aperto no coração rsrs. O livro é totalmente envolvente, os personagens são singulares e as reviravoltas na vida de Caro e envolvidos são um prato cheio! Uma leitura madura e rica para minha experiência literária. A narrativa é elegante e sagaz ao mesmo tempo, faz o leitor suspirar quando vê que a vida não deixa as coisas darem certo e faz suspirar mais forte ainda quando você vê que dá certo sim! 


Foi um pouco difícil montar a resenha sem elogiar toda hora. Espero que se tenha feito entender. Beijo na alma e não esqueça de comentar!

8 comentários:

  1. Rodrigo querido, este tipo de livro me emocionaria tanto que você nem imagina, choraria o tempo todo ahuahauhaua fiquei apaixonada pela sua resenha e sua indicação, quero ler com toda certeza!
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. OI Rodrigo, tudo bem? Nossa, esse livro parece ser muito intenso. Fiquei curiosa para ler. Amei a sua resenha. sua escrita e formatação estão belíssimas parabéns.

    ResponderExcluir
  3. Olá.
    Quantos elogios hahaha, muito bom sentir sua empolgação ao falar desse livro. Confesso que não foi a história em si que me chamou atenção, mas a forma como você abordou.
    Beijos.


    meumundosecreto

    ResponderExcluir
  4. Oie
    não conhecia o livro mas adorei a sinopse e a capa, entao ja esta na lista e desejados, espero poder ler em breve

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Rodrigo,
    Deu pra perceber que você gostou mesmo do livro! Não conhecia a autora nem o livro, mas gostei bastante da sua resenha. Vou anotar a dica para saber mais do livro depois.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel
    relicariodepapel.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Persistência é a palavra chave não é mesmo? Que livro instigante, sua resenha me convenceu. Gosto de tramas assim. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem? Não conhecia o livro, mas me pareceu muito interessante! Gostei muito da tua resenha, e seu blog é lindo!! Beijos
    www.perdidasemhistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá! Não entendi o final do livro, será que vc poderia compartilhar comigo o que entendeu do final?

    ResponderExcluir

TWITTER