sexta-feira, 30 de setembro de 2016

RESENHA: Livro " Clockwork - Os Anjos do Tempo" de Kevin J. Anderson

Olá leitores! Como estão? Hoje é dia de resenha e vos trago minhas opiniões sobre um livro muitíssimo bacana que li recentemente. Vamos conhecê-lo?


Clockwork - Os Anjos do Tempo é um livro de fantasia baseado em letras de músicas da banda Rush. O livro é narrado em terceira pessoa, exceto pelo prólogo e epílogo. Possui 296 páginas na edição brochura e é escrito pelo autor Kevin J. Anderson, que também já escreveu novelas sobre Star Wars e Aquivo-X. O Exemplar foi cedido pela editora Belas-Letras, parceira do blog. Segue a resenha...

Owen Hardy é um jovem prestes a atingir a maioridade e vive uma vida mais do que tranquila no vilarejo onde mora somente com o pai, que é dono de um pomar. Possui uma namorada da mesma idade e planeja se casar com a moça. Owen possui uma peculiaridade ímpar em seu mundo: a curiosidade.

O Jovem vive numa sociedade onde tudo tem seu dia e horário para acontecer. Todos os acontecimentos são programados ou premeditados graças ao Relojoeiro, que há séculos conseguiu implantar a Estabilidade, com seus relógios programados, que "salvou" o mundo do caos em que se encontrava. Tal conquista trouxe paz, ordem e organização para toda a população, que desde então trata o Relojoeiro como um herói.

Certo dia, ele faz um convite um tanto quanto inusitado à sua namorada: de se encontrar com ele, à meia-noite, no pomar, para juntos trocarem um beijo apaixonado. Algo totalmente diferente que o fez se animar só de pensar em "quebrar as regras" saindo de casa às escondidas num horário não permitido pelo Relojoeiro.

A Namorada não compareceu, e para não perder a viagem, Owen resolve passear para prestigiar as estrelas e a lua da madrugada, inéditas para ele até então. Mas o rapaz é surpreendido por um vaporeiro passando por ali. Curioso, ele chega o mais próximo possível para prestigiar o veículo. Então aparece um homem que o observava de longe, dentro de um dos vagões. Num impulso, Owen estica seu braço e o homem o puxa. Pronto! Está a bordo. "Fugindo" de casa, rumo à Crown City, a capital que ele tanto sonha em conhecer.

Owen sempre sonhou em viajar pelo mundo, como numa aventura e conhecer a cidade onde os Anjos do Tempo se estabelecem, esses que são uma espécie de divindades mecânicas idolatradas por todos. Os anjos do tempo, claro, são criações do Relojoeiro.

Para manter a estabilidade, o Relojoeiro possui travada uma batalha constante contra o Anarquista: alguém que a todo momento arma sabotagens para os planos e programações do sistema. O Anarquista é odiado por todos pois além da destruição que causa, desacredita na paz que a estabilidade traz, onde uma única pessoa regra a vida de todas as outras.

Num lugar totalmente novo, o jovem e ingênuo Owen inicia a sua sonhada porém não programada aventura. Conhece o que sempre teve vontade e vive muito mais coisas que ele nem imaginava viver. Será que as história que ouvia sobre piratas, naufragadores e os anjos do tempo eram todas reais? Ele crê veemente na bondade do Relojoeiro e sua "cura" ao mundo. Mas até onde isso é bom ou seguro?

Em meio a aventura, ação, mistério e romance, o livro nos deixa envolver totalmente no universo criado pelo autor. Os mecanismos e alquimias que dão vida às cidades, ao sistema e ao próprio Relojoeiro são muito interessantes. A crítica que o livro faz à sociedade que se finge de cega, surda e muda são quase que um tapa na cara... o famoso "só não enxerga quem não quer". A cereja do bolo é o protagonista. Owen Hardy é a pessoa mais amável, ingênua e bondosa que há. Porém é corajoso e destemido, suas frases são sempre cobertas de sabedoria na falta de experiência. Confuso? Pois é, mas são as impressões que tive sobre o personagem.

O Livro é fisicamente maravilhoso. Com capítulos enumerados e que acompanham trechos das músicas que inspiraram a história do romance ( nas últimas páginas as canções vêm completas e traduzidas). O melhor de tudo são as ilustrações coloridas. As imagens são lindas e facilitam bastante a construção da ambientação na nossa imaginação. É impossível parar de olhar. A Editora Belas-Letras sempre acertando na diagramação de suas obras.

Então é isso galera. Espero que tenham curtido a resenha. Beijo na alma e até a próxima!

Compre o Livro AQUI

15 comentários:

  1. Caraca, esse livro parece ser muito maneiro?? Até agora não tinha visto nenhuma história com essa premissa, e achei ainda mais maneiro o fato de que tudo foi elaborado tendo músicas como inspiração. Vou procurar ouvir a banda, mais tarde. Sua resenha ficou realmente muito boa, Rodrigo, e me deixou com vontade de conhecer o livro!

    ResponderExcluir
  2. Curti muito sua resenha. Mas a premissa não me fisgou e realmente a capa do livro é muito bela.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que diferente! Hahah, parece ser um livro criativo e interessante e me despertou bastante o desejo de ler ☺ Flores no Outono 

    ResponderExcluir
  4. Adorei sua resenha!

    Fiquei com vontade de ler o livro. Dica anotada :)

    Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Achei super legal o livro ser baseado nas letras de música da banda Rush e isso foi o que mais me deixou curiosa.
    Sem contar a capa que achei maravilhosa e quero conferir se ela combina com o enredo descrito. Sem contar que quero ver essa diagramação maravilhosa que você descreve.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi! Só de saber que o autor escreveu novelas pra Star War e Arquivo X já fiquei interessada rs. Mas, apesar do enredo do livro ser bem diferente, confesso que nao fiquei muiitooo animada, mas leria se surgisse oportunidade, por curiosidade.
    Beijos,
    Sigolendo.com.br

    ResponderExcluir
  7. Sempre achei legal livros baseados em músicas, e a ideia de trazer trechos delas em cada capitulo é bastante legal. Gosto de autores que conseguem nos envolver totalmente no enredo e nos tirar do chão, e pelo que você falou isso aconteceu completamente com você.

    ResponderExcluir
  8. Oii Rodrigo, tudo bem?
    Ainda não conhecia o livro, e fui completamente fisgada por essa premissa maravilhosa! É diferente de tudo o que eu tenho lido, e por isso mesmo chamou a minha atenção, amo aventuras :)
    Sua resenha ficou ótima, e com certeza me instigou a ler, adorei!

    Beijos,
    Ana | Blog Entre Páginas
    www.entrepaginas.com.br
    Participe do SORTEIO DE 1 ANO do Blog!

    ResponderExcluir
  9. Oiii Rodrigo, tudo bem?
    Infelizmente dessa vez a obra em si não despertou meu interesse, acho que a primeira vez que não gostei de uma indicação sua, mas parabéns pela resenha que ficou incrível.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  10. Hey!
    Primeiramente: adorei o blog. O layout, as imagens *-* parabéns!
    "Segundamente": muito bacana a premissa e a resenha do livro. A princípio pensei que se tratasse de um livro nacional. A edição parece ter sido muito bem trabalhada, bacana ter as letras de música no fim.
    Fiquei curiosa para conhecer a história de Owen e o Relojoeiro!

    Beijos,
    Kemmy|Duas leitoras

    ResponderExcluir
  11. Gostei bastante da indicação e da sua resenha, ficou ótima !!!
    Gostei dos detalhes das imagens e da forma como você descreve o livro
    desejo muito sucesso com o blog, bjooo

    http://blogaventuraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. OOi!
    Acho que já vi essa capa em algum lugar, mas a história não conhecia. Parece ser um livro bem legal. Seria uma saída da zona de conforto, mas às vezes isso é bom, não?! haha
    Ótima resenha!
    Beijoso!

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Fiquei muito interessada nessa obra, porque gosto muito de tema, ainda mais por ser baseado nas músicas dessa banda que eu ainda não conhecia mas vou procurar conhecer agora.
    Beijos.
    https://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  14. Olá. Nossa sua resenha me deixou com expectativas em altas. Adorei saber sobre o tema, e por saber que a edição está linda. Já está na minha lista de desejados <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Olá, gostei bastante da premissa, assim como da resenha em si. Acho que deve ser uma ótima aventura. A capa está linda, já vou anotar a dica!

    Abraços

    ResponderExcluir

TWITTER